Agenda

05/09/2017

05/09 – Palco Aberto com Quinteto Uirapuru

Criado em 2002, o Quinteto Uirapuru vem desenvolvendo uma intensa atividade musical em todo o Brasil, destacando-se pela qualidade e versatilidade em suas apresentações, sempre aclamado pelo público e crítica de norte a sul do país.
O Quinteto prima por um repertório brasileiro, dando ênfase a novos compositores, além de composições próprias, e conta com músicos de formação acadêmica com larga experiência.
Em 2002 foi selecionado para se apresentar para o príncipe Friedrich II da Dinamarca na primeira exposição das obras de Albert Eckhout no Brasil.
Em abril de 2003, lançou o CD Lá em Casa, uma coletânea com artistas paraibanos, onde executa desde obras eruditas consagradas até a mais autêntica música brasileira. No segundo semestre de 2003, o Quinteto firmou uma parceria com mestre Sivuca para lançar o CD SIVUCA & QUINTETO UIRAPURU, que foi lançado em 2004 pelo selo KUARUP. O CD conta com arranjos inéditos feitos especialmente para o Quinteto Uirapuru pelo mestre Sivuca. Composições inéditas e consagradas de Sivuca, Glória Gadelha, Rucker Bezerra e Hercílio Antunes fazem parte desse trabalho que foi um dos grandes lançamentos de 2004, já que consiste em uma formação inédita de sanfona com quinteto de cordas. O pré-lançamento do trabalho ocorreu em novembro de 2003 na abertura da mostra de música do IX Festival nacional de Artes (FENART) realizado na Paraíba. A apresentação chamou a atenção da crítica e da imprensa nacional com destaque no Jornal da Band e matéria amplamente veiculada para o canal a cabo Bandnews. No “Centro em Cena-2004”, o Quinteto Uirapuru, mostrando ainda mais a sua versatilidade, estreou o espetáculo LUZ, um ballet contemporâneo com coreografias de Evana Arruda e trilha sonora composta por Rucker Bezerra, onde o quinteto executa toda a trilha sonora ao vivo e interage com as bailarinas. O espetáculo foi considerado pela crítica especializada como o melhor do ano, o que rendeu uma turnê nacional nos anos de 2004 e 2005. Entre 2004 E 2012, o Quinteto foi uma das atrações mais festejadas do Festival Internacional de Música do Pará. Em julho de 2004 foi uma das atrações do XIV Festival de Inverno de Garanhuns e fez sua estréia em São Paulo com o lançamento do CD Sivuca & Quinteto Uirapuru.
Em Brasília, a convite da Embaixada da Espanha realizou apresentação na abertura da feira cultural “Espanha mostra o Nordeste”. Em novembro do mesmo ano repetiu o sucesso do ano anterior no X Fenart.
Em janeiro de 2005, o Uirapuru fez o encerramento do “XIII Festival de Música Instrumental da Bahia” no Teatro Castro Alves em Salvador.
Em maio de 2005 o Uirapuru foi o primeiro grupo de câmera a se apresentar na costa brasileira a bordo do navio M/V Pacific em Fernando de Noronha.
O grande reconhecimento em nível nacional do Quinteto Uirapuru deu-se com a indicação do CD “Sivuca e Quinteto Uirapuru” em quatro categorias do “PRÊMIO TIM 2005”, sendo finalista na categoria “MELHOR GRUPO INSTRUMENTAL” e saindo vencedor na categoria “MELHOR ARRANJO”
Desde 2010, o Uirapuru vem desenvolvendo uma pesquisa acerca da Música Armorial do Nordeste e tem se apresentado em Festivais Internacionais de Música.
Em 2016, o Quinteto Uirapuru foi convidado a fazer parte da trilha sonora da novela “Velho Chico”, da Rede Globo de Televisão.

Em julho de 2017, a convite do governo do Estado da Paraíba, o Quinteto conduziu uma grande homenagem a Belchior. Na ocasião, convidaram quatro instrumentistas para compor a banda base e receberam 10 intérpretes paraibanos no palco com uma plateia de mais de 5 mil pessoas.
Atualmente o Uirapuru esta preparando novo CD autoral que tem estreia prevista para novembro de 2017.